A carregar...

DIA EUROPEU DE FUNDAÇÕES E DOADORES

PROGRAMA GRATUITO

DIA EUROPEU DE FUNDAÇÕES E DOADORES

Associando-se às comemorações do Dia Europeu de Fundações e Doadores, a Fundação Oriente convida os visitantes a conhecerem mais sobre a sua história e acção, através de um programa especial a decorrer no Museu do Oriente. A entrada no Museu é gratuita, bem como a participação nas actividades [requerendo estas inscrição].

Sábado | 1 Outubro
10.00 às 18.00 | Entrada gratuita no Museu do Oriente



COLECCIONAR PARA DOAR?
Visita-jogo para famílias
Sábado | 10.30 às 11.30 | Para crianças dos 6 aos 12 anos, acompanhadas por um adulto Participantes máx.25

São várias as teorias sobre quando terá surgido a primeira colecção e o primeiro coleccionador. Muitos estudiosos apontam para a pré-história. Mas afinal o que motivará o nascimento de uma colecção? E quem será o coleccionador? Um caçador de tesouros raros, um pesquisador por natureza? Vem conhecer as colecções que o Museu do Oriente alberga e os coleccionadores que ajudam a manter a história viva através dos seus objectos.



COLECÇÕES VIVAS: A COLECÇÃO KWOK ON
Visita orientada às reservas da Colecção Kwok-On
Sábado | 11.00 às 11.30 | Participantes máx.10 | Maiores de 16 anos

Criada em 1971 por Jacques Pimpaneau – a partir da doação que lhe fora feita pelo Senhor Kwok On -, a colecção Kwok-On é proveniente da Association Arts et Traditions Populaires de l’Asie Orientale – Musée Universitaire Kwok On, de Paris e foi incorporada no acervo da Fundação Oriente em 1999. É composta por mais de 13.000 objectos, na sua maioria chineses, indianos e japoneses, relacionados com artes performativas (instrumentos, trajes, marionetas, máscaras, pinturas, porcelanas) e com as festividades tradicionais (objectos rituais, lanternas, pinturas, jogos, estátuas). Representadas estão ainda, através de peças de arte popular, práticas culturais do Sri Lanka, Tailândia, Cambodja, Malásia, Indonésia, Vietname, Tibete, Birmânia, Nepal e Coreia. Com o objectivo de promover o contínuo enriquecimento da colecção e aprofundar a respectiva investigação, a Fundação Oriente encarrega, todos os anos, Sylvie Pimpaneau e Sofia Campos Lopes de uma missão na Ásia.

É esta colecção que vamos conhecer, nas reservas, onde se procede à sua conservação.




DA IDEIA À CONCRETIZAÇÃO: O MUSEU DA FUNDAÇÃO ORIENTE
Visita orientada à exposição Presença Portuguesa na Ásia
Sábado | 15.00 às 16.00 | Participantes máx.25 | Maiores de 7 anos
 
Constituída em 1988, a Fundação Oriente tem como objectivo a realização de acções de carácter cultural, educativo, artístico, científico, social e filantrópico que visem a valorização e a continuidade das relações históricas e culturais entre Portugal e o Oriente. O aparecimento do Museu do Oriente, em 2008, marca um novo ciclo na vida da Fundação, consubstanciando a sua vontade e vocação de contribuir para o encontro entre Ocidente e Oriente. Convidamo-lo a visitar o Museu do Oriente e a conhecer os princípios que determinaram a sua criação.