A carregar...

SEMANA DA CULTURA COREANA


SEMANA DA CULTURA COREANA

15 a 20 Outubro  | Programa gratuito

Workshops para experimentar a língua, a caligrafia, estilos instrumentais e de dança tradicionais, e uma conferência com o Embaixador Chul Min Park, num programa gratuito dedicado à cultura da Coreia, que vai já na sua 5ªedição.

Tambor-(Nanta).jpg  WORKSHOP DE TAMBOR NANTA
Com Jae Hyun An
Domingo | 15 Outubro | 10:30 às 12:30
Máx.12 participantes | M/12 anos
Por ordem de chegada, mediante levantamento de bilhete no próprio dia, na recepção do Museu.

Recomenda-se trazer água, toalha, roupa confortável e ténis ou meias desportivas

A dança de tambor é uma das danças com instrumentos musicais mais populares da Coreia. Neste workshop, os participantes aprenderão técnicas de tocar o tambor com duas baquetas e executar a coreografia Nanta (versão moderna) composta por variados ritmos contemporâneos baseados em cadências tradicionais coreanas.
   
 Pansori.jpg WORKSHOP DE PANSORI
ENCONTRO DA MÚSICA TRADICIONAL COM O K-POP

Com Jong Hyuk Parke
Domingo | 15 Outubro | 14:00 às 15:30
Máx. 50 participantes | M/15 anos

Por ordem de chegada, mediante levantamento de bilhete no próprio dia,
na recepção do Museu.

Pansori é uma narrativa musical coreana, tradicionalmente interpretada por um cantor e um percussionista. Neste workshop, vamos dar a conhecer um pouco da música tradicional coreana, bem como algumas músicas de K-Pop, como as de G-Dragon e Psy, que misturaram melodia tradicional com ritmos pop e vamos compará-las com as versões originais. Para terminar, os participantes vão aprender a cantar uma canção de amor, “Saranga”, excerto da Chunhyangga, uma das mais populares do repertório pansori.
   
 Experiencia-de-Hanbok.jpg EXPERIÊNCIA DE HANBOK – TRAJE TRADICIONAL
Domingo | 15 Outubro | 14:00 às 16:00
Terça a sexta | 17 a 20 Outubro | 14:00 às 18:00
M/5 anos | Por ordem de chegada

O traje tradicional da Coreia, o Hanbok, é caracterizado por cores vibrantes e linhas simples. O Hanbok foi utilizado durante várias gerações mas, actualmente, apenas é usado em dias de festas tradicionais ou em ocasiões especiais como casamentos. Com a ajuda de um cenário próprio, os participantes poderão “tirar uma fotografia na Coreia” e ficar com uma recordação desta “viagem” pela cultura do país.
   
 Bojagui.jpg WORKSHOP DE BOJAGUI
Com Kyung Hwa Choi
Segunda | 16 Outubro | 10:00 às 12:00
Quarta | 18 Outubro | 15:00 às 17:00
Máx. 16 participantes | M/15 anos
Mediante inscrição.

Bojagui é o patchwork tradicional da Coreia. Empregando diferentes tecidos e técnicas, possui múltiplas utilizações quotidianas, tais como guardar, transportar, cobrir e decorar. Neste workshop vamos fazer pregadeiras.
   
 Dança-Leque.jpg WORKSHOP DE DANÇA DE LEQUE
Com Jae Hyun An
Segunda | 16 Outubro | 10:00 às 12:00
Máx.15 participantes | M/12 anos
Recomenda-se trazer água, toalha, roupa confortável e ténis ou meias desportivas

A dança do leque (Buchaechum) foi inicialmente criada como dança a solo por volta de 1920, tendo começado a ganhar popularidade a partir de 1964, numa altura em que foi apresentada como dança de grupo. Hoje, é a dança folclórica mais popular e mais representativa da Coreia. Neste workshop, além de aprenderem os movimentos básicos, os participantes poderão, também, reproduzir formas de flores e de ondas com o auxílio dos leques.
   
 Caligrafia.jpg WORKSHOP DE CALIGRAFIA HANGEUL
Com Hyun Jung Jung
Segunda | 16 Outubro | 15:00 às 17:00
Quinta |19 Outubro | 10:00 às 12:00
Máx. 15 participantes | M/15 anos

A caligrafia coreana permite transmitir as emoções dos artistas enquanto ilustra a força, a pureza e a perpetuidade desta tradição antiga.
É uma arte visual que reflecte a tradição coreana de escrita artística em Hangeul, sendo uma forma de treino mental, razão pela qual se chama “a forma da palavra”. A execução da caligrafia conta com quatro elementos: papel, pincel, pisa-papéis e pedra de tinta, que vamos conhecer e usar ao longo da sessão.

Este workshop é dado em língua inglesa.
   
 Hangeul.jpg WORKSHOP DE HANGEUL
Com Byung Goo Kang
Terça | 17 Outubro | 15:00 às 17:00
Sexta | 20 Outubro | 10.00 às 12.00
Máx. 40 participantes | M/14 anos

Hangeul, o alfabeto coreano criado em 1443 pelo rei Sejong, o Grande, foi tornado público em 1446. É simples, conciso e de fácil compreensão ao ponto de ser considerado, frequentemente, um dos sistemas de escrita mais científicos do mundo. O objectivo deste workshop é, precisamente, dar a conhecer este sistema de escrita podendo os participantes, em pouco tempo, conseguir ler e escrever coreano.
   
 K-pop-Dance.jpg WORKSHOP DE DANÇA K-POP
Com Hong Yunseon
Terça | 17 Outubro | 10:00 às 12:00
Máx. 15 participantes | M/12 anos
Recomenda-se uso de roupa confortável e ténis

K-Pop é o termo que designa a música pop coreana que está a ganhar cada vez mais popularidade por todo o mundo. Este workshop visa divulgar a cultura pop coreana e ensinar alguns passos relativamente fáceis de uma coreografia criada para o efeito, de modo a que todos os participantes possam acompanhar sem dificuldade. No final do workshop, os participantes terão adquirido os principais ritmos corporais e movimentos básicos com os quais poderão executar coreografias ao ritmo da música pop coreana.
   
 Dança-Máscaras.jpg WORKSHOP DE DANÇA DE MÁSCARAS TALCHUM
Com Jae Hyun An
Terça | 17 Outubro | 15:00 às 17:00
Máx. 15 participantes | M/12 anos
Recomenda-se trazer água, toalha, roupa confortável e ténis ou meias desportivas

A dança de máscaras (Talchum) é uma verdadeira  encenação satírica que combina música, dança e mímica. Neste workshop, os participantes vão aprender os passos e os movimentos básicos da Bongsan Talchum - uma das danças com máscaras mais populares da Coreia - que nasceu há mais de 200 anos na província de Hwanghae, actualmente situada na Coreia do Norte, e representa uma das expressões teatrais mais típicas da Coreia.
   
 Pansori.jpg WORKSHOP DE PANSORI
A MÚSICA TRADICIONAL NOS K-FILMES

Com Jong Hyuk Parke
Terça | 17 Outubro | 17:30 às 19:00
Máx. 15 participantes | M/15 anos

Pansori é uma narrativa musical coreana, tradicionalmente interpretada por um cantor e um percussionista. Neste workshop, vamos apresentar alguns filmes coreanos como Sopyonje e Dorihwaga que têm como tema principal a história e vida artística de cantores de Pansori. Vamos também comparar as músicas utilizadas nos filmes com as originais. Para terminar, os participantes vão aprender a cantar “Jindo Arirang” uma das variantes de Arirang, classficada pela UNESCO como parte da herança cultural asiática.
   
 Hanji-Gongye.jpg WORKSHOP DE HANJI GONGYE
Com Jin Sun Lee
Quarta| 18 Outubro | 10:00 às 12.00
Sexta| 20 Outubro | 15:00 às 17:00
Máx. 20 participantes | M/15 anos

Hanji é o papel tradicional feito de fibra de amoreira que tem estado intimamente ligado à vida dos coreanos ao longo de mais de mil anos. Na actualidade, o hanji é sobretudo utilizado para fins decorativos, como a criação artística e o artesanato, desde simples caixas e lanternas a roupas e mobiliário.
Neste workshop os participantes vão fazer um leque, aprendendo técnicas básicas de colagem de hanji. 
   
 Taekwondo.jpg WORKSHOP DE TAEKWONDO
Com Miguel Chung
Quinta| 19 Outubro | 14:30 às 16:00
Máx. 20 participantes | M/5 anos
Recomenda-se uso de roupa confortável

O Taekwondo é a arte marcial coreana mais popular no mundo. Também modalidade olímpica, consiste na coordenação do corpo, da mente e do espírito, para defesa pessoal sem armas. O workshop destina-se a crianças e adultos interessados em conhecer esta arte milenar, sendo abordadas técnicas de combate e defesa pessoal.
   
 Danso-(Flauta-de-bambu).jpg WORKSHOP DE FLAUTA DE BAMBU DANSO
Com Nayoung Her
Quarta | 18 Outubro | 10:00 às 12:00
Máx. 15 participantes | M/12 anos

Danso (flauta de bambu) é um dos instrumentos de sopro tradicionais coreanos. Com um timbre mais límpido do que o do Daegeum (flauta longa de bambu) é um instrumento adequado aos principiantes que desejem ter uma primeira experiência com a música tradicional coreana. Neste workshop, os participantes irão aprender a produzir sons e a ler notas musicais coreanas para poderem tocar “Arirang”, uma canção folclórica da Coreia, classificada pela UNESCO como parte da herança cultural asiática.
   
 Ganggangsullae_int.jpg WORKSHOP DA DANÇA DE GANGGANGSULLAE
Com Jae Hyun An
Quarta | 18 Outubro | 15:00 às 17:00 
Máx. 15 participantes | M/12 anos
Recomenda-se trazer água, toalha, roupa confortável e ténis ou meias desportivas

A tradição da dança Ganggangsullae remonta há 5000 anos. Inicialmente exclusiva das mulheres é, hoje em dia, executada por toda a gente, independentemente da idade ou sexo. A dança incorpora também o canto e é caracterizada pela repetição de um refrão, por onomatopeias e variados movimentos corporais. A UNESCO colocou esta dança na lista de obras-primas que são património oral e imaterial da humanidade.
   
 A-Minha-Coreia.jpg CONFERÊNCIA A MINHA COREIA
Embaixador Chul Min Park
Sexta | 20 Outubro | 18:00 às 19:30
M/15 anos
Entrada livre, limitada à capacidade da sala.

Devastada pela guerra civil entre 1950 e 1953 e com poucos recursos naturais, a Coreia transformou-se num dos países mais avançados e competitivos do mundo, graças ao chamado milagre do rio Han. Após uma luta turbulenta pela democracia, na década de 1980, a Coreia é hoje um país com cada vez maior projecção mundial graças ao seu desenvolvimento económico contínuo e à Hallyu (onda coreana), que ganha cada vez mais adeptos pelo mundo. Nesta conferência, o Embaixador vai falar sobre o passado e presente da Coreia e também sobre a sua visão para o futuro do país.

Ficha de Inscrição Actividades

Actividade
Data
 Nome
 Morada
 Localidade
 Código Postal

 NIF
 Tel.
 E-Mail
 Profissão


Pagamento Cheque

Cheque nº  Banco  Montante 

O pagamento deverá ser efectuado por cheque emitido à ordem da Fundação Oriente (enviado para Museu do Oriente Rua Brasília, Doca de Alcântara Norte 1350-362 Lisboa)

 

Transferência bancária para a seguinte conta (por favor, enviar comprovativo)

NOVO BANCO
IBAN: PT50 000700000045279037523
BIC: BESCPTPL


Em caso de desistência:
Haverá lugar a reembolso do valor total da inscrição quando a desistência for comunicada até 8 dias úteis antes do workshop. Depois dessa data, o reembolso só poderá ser considerado se o lugar for preenchido.
Caso o workshop não se realize por falta de participantes, ou por outro motivo, o valor da inscrição será devolvido na sua totalidade.