A carregar...

CONCERTO DE ABERTURA DO LISBON MUSIC FEST

PELA JULIANSTOWN YOUTH ORCHESTRA

CONCERTO DE ABERTURA DO LISBON MUSIC FEST

24 Junho | Auditório | 17.00 | Gratuito

Na sequência do sucesso alcançado nas primeiras edições, o Verão de 2019 assiste ao regresso do Lisbon Music Fest, um festival internacional de orquestras, coros, jazz big bands e ensembles de música de câmara, com a participação de jovens músicos de todo o mundo.
O Concerto de Abertura será protagonizado pela Julianstown Youth Orchestra (Irlanda) e pela Camerata da Academia de Música de Lisboa. A 5ª edição do Lisbon Music Fest apresenta coros e orquestras oriundos da Europa, América do Norte, Ásia e, pela primeira vez, da Oceânia.
Todos os concertos do Lisbon Music Fest são de entrada livre, estendendo-se por algumas das mais emblemáticas salas de espetáculos e espaços culturais do país, incluindo o Palácio da Ajuda, o Mosteiro da Batalha, o Museu do Oriente, o Museu Nacional dos Coches ou o Castelo de Belmonte.

Duração 75’, sem intervalo
Entrada gratuita, mediante levantamento de bilhete no próprio dia

PROGRAMA
Julianstown Youth Orchestra

Gesamkunstwerk (obra colaborativa dos membros da Julianstown Youth Orchestra)
Clocks | Elizabeth, Katie & Sophie Ní Mhaoláin (n.2003)
Carnival of What | Dominic Connor (n. 2003)
Protocol | Medb Brereton Hurley (n. 2000)
Halloween | Eoin Brereton Hurley (n. 2000)
Midnight Dance | Shane Quinn (n. 2003)
Soar Away | Jennifer Sheil (n. 2004)

Primavera | Antonio Vivaldi (1678-1741)



Camerata da Academia de Música de Lisboa

Nabucco [abertura] | Giuseppe Verdi (1813 – 1901)
Capricho Italiano | Pyotr Ilyich Tchaikovsky (1840 – 1893)


A Julianstown Youth Orchestra (JYO) foi fundada em 2011 por Maria and Fergus Sheil. Inicialmente formada por 12 elementos, a Orquestra cresceu rapidamente para 100 jovens músicos distribuídos por duas orquestras de acordo com a idade.
Músicos das principais orquestras irlandesas, a RTÉ National Symphony Orchestra e a RTÉ Concert Orchestra, colaboram regularmente com a JYO, em ensaios e concertos, destacndo-se a apresentação com a célebre violinista Tasmin Little.

A Julianstown Youth Orchestra procura o desenvolvimento da criatividade, oferecendo aos seus elementos oportunidades para composição e direção da orquestra. O programa a apresentar em Lisboa inclui obras escritas em 2017 por elementos da orquestra para o projeto Gesamtkunstwerk, sob a orientação do compositor Brian Irvine. Este projeto culminou com um concerto encenado apresentado por elementos da orquestra, sob a direção de John McIlduff, coreografia de Jessica Kennedy e cenografia de Sarah Jane Shiels. O projeto foi também gravado nos estúdios Windmill Lane.

A Julianstown Youth Orchestra apresentou-se no National Concert Hall e no Convention Centre em Dublin, assim como em diversas salas de Concerto irlandesas. Esta é a primeira digressão internacional da orquestra.