A carregar...

SAKURA – A FLOR PRINCESA

SÁBADOS EM FAMÍLIA

SAKURA – A FLOR PRINCESA

28 Março
Sábados | 11.00 às 12.30
Para famílias [crianças M/5 anos]
€4,50/participante [adulto ou criança] | Participantes mín. 10; máx. 24

Sakura, a flor de cerejeira é protagonista de um dos espectáculos anuais mais aguardados pelos Japoneses. É ela que assinala o início da Primavera, convidando todos a sair de casa e a apreciar a paisagem que, marcada outrora pelo branco da neve, ganha, nesta altura do ano, os tons rosa da flor de cerejeira. Um convite para connosco vir contemplar flores seguindo um costume tradicional japonês, o Hanami.

Inscrições até 23 Março

Com as suas fascinantes línguas, culturas e tradições, o Oriente é o território a explorar nestas atividades pensadas para juntar diferentes gerações, em torno das peças do Museu.

Ficha de Inscrição Serviço Educativo

 Nome dos participantes (*)

 Idade dos Participantes (*)
 Responsável
 pelos participantes
 (se menores de 18 anos)

 Actividade pretendida (*)
 Data e horário da actividade pretendida (*)
 Morada (*)
 Localidade (*)
 Código Postal

 Nome e Nº de Contribuinte
(para efeitos de facturação)
(*)

 Tel. (*)
 E-Mail (*)
 Profissão


Pagamento

Cheque nº     Banco   Montante 

O pagamento deverá ser efectuado por cheque emitido à ordem da Fundação Oriente (enviado para Museu do Oriente Rua Brasília, Doca de Alcântara Norte 1350-362 Lisboa)

 

Transferência bancária para a seguinte conta (por favor, enviar comprovativo)

NOVO BANCO
IBAN: PT50 000700000045279037523
BIC: BESCPTPL


Política de Privacidade
Aceito a Politica de Privacidade e Tratamento de Dados (ver aqui)

Em caso de desistência:
Haverá lugar a reembolso do valor total da inscrição quando a desistência for comunicada até 8 dias úteis antes do workshop. Depois dessa data, o reembolso só poderá ser considerado se o lugar for preenchido.
Caso o workshop não se realize por falta de participantes, ou por outro motivo, o valor da inscrição será devolvido na sua totalidade.


 


* Campo de preenchimento obrigatório